Notícias

Gripe: Bebé morreu vítima de erro médico e não por causa da gripe A (H1N1)
Rayán, chamava-se o bebé, filho de Dalila Minoundi, a jovem de 19 anos que tinha morrido a 30 de Junho - a primeira morte por esta gripe no país -, estava na unidade de cuidados intensivos do Hospital Gregorio Marañon, em Madrid. Morreu hoje ao meio-dia, depois de na noite anterior ter recebido alimentação por via intravenosa e não por via nasogástrica, como deveria.
"Um terrível erro profissional", comentou o director do Hospital, Antonio Barba, citado pelo diário espanhol "El País".
Uma fonte do hospital disse ao jornal que a enfermeira que cometeu o erro estava no seu primeiro dia ao serviço dos cuidados intensivos infantis. A enfermeira e a sua supervisora - que não estava no local quando foi administrada a alimentação - foram afastadas da unidade.
O bebé tinha nascido prematuro, de cesariana, aos sete meses, devido ao precário estado de saúde da mãe, que tinha uma pneumonia derivada da gripe. O pequeno não tinha sido contagiado pelo vírus da gripe A (H1N1).

6 comentários:

MAMY disse...

olá.


É por essas e por outras que cada vez tenho mais medo dos hospitais!
Entramos e nao sabemos se saimos.


BEIJOS

S* disse...

Essa noticia é chocante. Fiquei chocada com a possibilidade de alguem errar dessa forma.

Karlytus disse...

sinceramente esta conversa da gripe A já me enjoa.. serão sintomas?? lol é q acho q caiu no exagero.. dos 107 casos em Portugal 104 já estão resolvidos e as pessoas a fazerem as suas vidas normais.. é uma gripe e ponto! Como qq outra pode matar se as pessoas estiverem fracas e débeis.. enfim.. eu cá acho q por trás disto tudo há gato.. ;)


beijinhooooos azulinhos!

Bianca disse...

NESTA HORA DÁ A SENSAÇAO DE QUE SOMOS PEQUENOS, MAS PODEMOS SER GRANDES.... se é que me entendes...

Lidia Guedes disse...

Sim Bianca, eu entendo-te!!!

Lidia Guedes disse...

Karlytus, eu já nem faço comentários à gripe! O que me causou espanto foi o que aconteceu com o bebé.

Beijokas